terça-feira, 26 de julho de 2011

Pequenas Diretrizes Para o Ego Ferido

Se o mundo quer que você conheça a apatia e abuso de soberba, tais quais descritas em 1984, faça-os conhecer o poder do sorriso. Se eles querem que o frio absoluto de um admirável novo mundo toque sua pele, compre um casaquinho bem legal, aqueça-se. Compre também um casaquinho pra quem você gosta, nunca se sabe quando a próxima tormenta virá. Se os malucos te acham maluco, vista sua camisa de força e finja estar louco, mas deixe sempre a parte de trás aberta, pra você escapar de vez em quando da sanidade e ficar realmente louco. Se a força te convida para baixo, bata asas, voe. Se às asas estiverem machucadas, passe Merthiolate. Pode passar sem medo, agora não arde. E enquanto a asa não melhora, poxa, pleno século XXI: voe de mochila à jato. E se você se sentir sozinho, lembre-se do poder de sua própria voz... Grite. Grite bem alto. Nunca pare de gritar. Qualquer dia desses um anjo lá no céu poderá te escutar. Ele te fará companhia.

Nenhum comentário:

Postar um comentário