quinta-feira, 28 de fevereiro de 2013

O Roteirista

Espero que me compreendas,
saibas que sou novo
nessa arte de direcionar.

Era para ser-te estrela neste filme,
mas tornei-te Lua.
Ninguém jamais chegara perto de uma estrela,
mas sendo Lua posso incansavelmente te olhar.

2 comentários:

  1. Adorei. Sempre adoro profundidade com poucas palavras. Microconto?

    ResponderExcluir
  2. Não sei se isso pode ser considerado um microconto, mas fico muito satisfeito quando consigo sintetizar toda uma ideia dizendo pouco... (:

    ResponderExcluir