quarta-feira, 5 de agosto de 2015

O Repouso e a Batalha

“Tente ser diferente”, dizem eles;
“Tente algo novo, tente algo urgente”.
Então aqui estou, caro leitor
tão forçado quanto você que me lê.
Mandaram-me pra cá, cá estou
como insistentemente pode me ver.
Não quero ser diferente, novo, urgente.
Mandaram-me pra cá, cá estou, mas vamos combinar...
Não quero estupefartelhar-te com a inoção do pós-contemporâneo;
quero aquele velho colapso momentâneo
que as obras padrão nos trouxeram.
Mas como não consigo, assim, sendo honesto,
chegue cá, vamos conversar:
Como foi seu dia?
Me indaga o mesmo?
Pois bem, queimar tempo e caloria
num gole de whiskey.
E o calor ria.

Nenhum comentário:

Postar um comentário